Connect with us

Coronavírus

‘Coronavírus é obra do demônio’: os padres que usam exorcismo para tentar combater a covid-19

Padre Eduardo Carino Vazquez Jr. e colegas não saem da igreja sem água benta e sal abençoado.

Publicado

dia

coronavirus-e-obra-do-demonio-os-padres-que-usam-exorcismo-para-tentar-combater-a-covid-19
Photo: Shutterstock

“Usamos isso para o exorcismo. Há algo de maligno no coronavírus. É obra do demônio”.

Ele e seus colegas vêm “exorcizando” o coronavírus na cidade de Caloocan na região metropolitana de Manila, nas Filipinas.

“No momento que eu ouvi sobre o confinamento, as primeiras duas palavras que vieram à minha mente foram fome e pobreza. Os pobres são os mais afetados. A Igreja deve se fazer presente nesta situação”, diz.

“Então, todos os dias, nossa rotina depende das pessoas. Quando há pedidos para doentes, para a benção dos mortos, então vamos”, acrescenta.

CONTINUA APÓS PUBLICIDADE



Por causa do confinamento devido ao coronavírus, missas e enterros estão suspensos.

Padre Eduardo diz que ele e seus colegas se colocam à disposição “daqueles que pedem nossa ajuda”.

“Eles (fiéis) consideram difícil achar padres que benzem o corpo de seus entes queridos”, diz.

Os padres também distribuem máscaras faciais e dão dicas de autossuficiência alimentar para ambientes urbanos.

“Acredito que as pessoas aqui não sentem a presença da Igreja. Por isso, como padre, preciso ser

muito criativo e muito prudente em fazer meu ministério neste tempo de confinamento”, diz.

“Ninguém deve nos impedir de fazer nosso ministério, nem esta pandemia. Isso significa que parte da minha vocação é arriscar minha vida por essas pessoas”, conclui.

Sou Welton Matos, baiano formando em comunicação, e tecnologia. Apaixonado por design, internet, informação, fotografia e música. Amigo da natureza.

Veja Mais
Clique para comentar
0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks

Coronavírus

Vereador Gilvan Alves propõe a criação de comissão especial de enfrentamento ao coronavírus

Publicado

dia

O vereador Gilvan Alves, PP, propôs a criação de Comissão Especial de Enfrentamento à Covid-19, na Câmara Municipal, nesta sexta-feira, 05.

O objetivo da comissão é a atuação coordenada de um grupo de trabalho com a finalidade de fiscalizar e propor ações de combate ao Coronavírus pelo Poder Público no âmbito do município de Morro do Chapéu. A Comissão especial também deve se dedicar à discussão de ações que minimizem os impactos econômicos e sociais que a pandemia tem causado.

Para Gilvan, “A comissão será também mais um elo de comunicação entre o Poder Legislativo e o Poder Executivo. Pretendemos propor ações e parcerias. Nós queremos discutir não só as medidas de enfrentamento ao vírus, mas também os impactos que essas medidas trazem na nossa economia e como equilibrar as ações que promovem o distanciamento social com a atividade econômica”.

A comissão também irá fiscalizar o cumprimento do plano municipal de vacinação, da política de testagem da população e do cumprimento dos serviços de saúde, com especial atenção ao CENTRO DE TRATAMENTO COVID-19, instatalado na UPA – Unidade de Pronto Atendimento

CONTINUA APÓS PUBLICIDADE



Para acriação da comissão, foi apresentado um requerimento à Mesa Diretora da Câmara, que também foi assinado pelos vereadores Ivanete Machado – PL, Luciano Lula – PcdoB, Derlúcia P. de Souza – PDT, Bethânia Araújo – AVANTE, Luciano Rocha – PDT, Eloy Falcão – PL, André Valois – PL e Amaurí Silva – PL.

Com o requerimento aprovado, os vereadores Gillvan Alves, Ivanete Machado e Derlúcia P. de Souza foram indicados para a composição do grupo de trabalho.

*Com informações da Assessoria de Comunicação do Vereador Gilvan Alves da Silva.

Veja Mais

ARQUIVO WM

0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x