Connect with us

Black do Morro

Começou! Veja sete e-commerces com as melhores promoções e ofertas da Black Friday 2020

Black Friday tem descontos em eletrônicos, roupas e mais nas principais lojas online do país

Publicado

dia

Arte Visual: WMDesign

Chegou a Black Friday 2020. Hoje, a ultima sexta-feira de novembro e dia da oferta, já é a segunda melhor data do comércio varejista, atrás apenas do Natal. Por ser na pandemia, o grande desafio é levar para o digital a experiencia que o cliente tem na loja físicas onde é possível ver e tocar o item antes de comprar. Além disso, dá para esclarecer as dúvidas com o vendedor e até, quem sabe, pechinchar mais. 

A Black Friday 2020 acontece nesta sexta-feira (27) e diversos lojas online aderiram ao evento no Brasil este ano. Sites como Americanas.com, Amazon, Casas Bahia e Mercado Livre, entre outras, prometem diversos descontos e ofertas. Segundo previsões de especialistas, esta será a Black Friday mais digital da história, o que indica uma concentração de ofertas exclusivas nos sites e aplicativos. A data reúne descontos sobre uma variedade extensa de produtos, como leitores digitais, celulares, fones de ouvido e maquiagem.

O dia oficial de promoções é hoje, mas grande parte das ofertas deve ser estendida até segunda-feira (30), data conhecida como Cyber Monday. No entanto, neste dia, os descontos são tradicionalmente voltados para os itens eletrônicos. A seguir, confira sete lojas online que oferecem promoções e ofertas no Brasil nesta Black Friday.

1. Black Friday AliExpress

A Black Friday do AliExpress conta com descontos de até 90% em mais de 200 milhões de produtos em todas as categorias do site. Além disso, o cupom BLACKBR4OFF reduz o valor total do pedido em US$ 4, independentemente dos itens escolhidos. Contudo, vale lembrar que o código e as promoções são válidos apenas na sexta-feira (27).

CONTINUA APÓS PUBLICIDADE



Assim como no Dia dos Solteiros, o marketplace chinês promete fazer a entrega de todos os produtos adquiridos na Black Friday antes do Natal. A loja ainda oferece frete grátis em itens selecionados e devolução sem custos adicionais. Também é possível parcelar as compras em até seis vezes.

2. Black Friday Amazon

Amazon oferece uma seleção de ofertas em todo o site até segunda-feira (30). Os descontos devem chegar a 70% do preço original, mas é importante lembrar que alguns duram por tempo limitado. As promoções relâmpago da loja variam entre seis, 12, 24 horas ou até esgotar o estoque. Ainda é possível parcelar as compras em 10 vezes sem juros e pagar o frete grátis, caso se trate de um primeiro pedido ou uma conta Prime.

Além dos dispositivos Amazon com 40% de desconto, como o Kindle e o Echo Dot, outros destaques da Black Friday são os livros, com 70%, e produtos de rotina e moda pela metade do preço original.

3. Black Friday Americanas.com

O e-commerce das Lojas Americanas garante descontos nas principais categorias de produtos, o que inclui ofertas em vestuário, eletrônicos, game e alimentos. Algumas promoções de Black Friday são exclusivas para a Americanas.com e só podem ser adquiridas por meio do site ou app, como preços reduzidos de smart TVs e relógios inteligentes.

Além disso, a loja oferece 50% de cashback em produtos selecionados pagos com o aplicativo Ame Digital. As compras podem ser retiradas em uma unidade física da Americanas ou entregues em casa em até três horas, dependendo do parceiro responsável pelo transporte.

4. Black Friday Casas Bahia

A Black Friday das Casas Bahia começou em outubro e, no total, terá 40 dias de ofertas. A empresa promete descontos de até 80% em diversas categorias de produtos, como celulares, TVs, eletrodomésticos e móveis. Além disso, será possível parcelar as compras em até 30 vezes sem juros no cartão da loja ou pagar à vista com desconto. Uma das vantagens é a possibilidade de comprar no site e retirar o produto de graça na loja.

Vale citar também a Black Friday do Extra.com.br, que também pertence ao grupo Via Varejo. O site vai oferecer descontos de até 80%, pagamentos em até 24 vezes sem juros nos cartões da marca e diversos produtos com frete grátis.

5. Black Friday Mercado Livre

Além de diversas ofertas, a Black Friday do Mercado Livre se destaca principalmente pela promessa de agilidade nas entregas. O e-commerce abriu cinco novos centros logísticos no Brasil e investiu em uma frota de quatro aviões totalmente dedicados às entregas do site. Com isso, a promessa é de que 80% das compras com envios Full serão recebidas em até 48 horas, inclusive, aos sábados e domingos.

Quem gastar acima de R$ 99 também terá frete grátis. Outra vantagem do Mercado Livre está na forma de pagamento, que poderá ser parcelado em até 12 vezes com Mercado Pago.

6. Shoptime

Nesta Black Friday, o Shoptime oferece descontos de até 80% em produtos, com a possibilidade de parcelar as compras em até 12 vezes sem juros. Além disso, há a opção de receber metade do valor de volta ao utilizar o app Ame Digital no pagamento da compra. A empresa vai revelar mais produtos em promoção durante um show de Luan Santana com a dupla Simone & Simaria na sexta-feira (27). Até o momento, os carros-chefe da Black Friday do Shoptime são os eletrônicos, com descontos em celulares, notebooks e smart TVs.

7. Submarino

A Black Friday do Submarino garante produtos variados com até 80% de desconto em relação preço original. Além disso, a loja oferece cashback de até R$ 1.500 em compras efetuadas com o aplicativo Ame Digital. Vale destacar que determinadas promoções são exclusivas no app do Submarino, mas o site do e-commerce também promove ofertas relâmpago. Por isso, é importante se atentar às redes sociais da loja para não perder os preços baixos.

Os destaques da promoção incluem televisores com borda infinita, notebooks e jogos recentes, como The Last of Us 2 e o FIFA 21 para PS4.

Em suma, a Black Friday 2020 deve manter a tendência de alta no faturamento, apesar de termos vivido a pandemia do novo coronavírus. A previsão se sustenta no crescimento do comércio on-line e no reaquecimento gradual da economia. 

Veja Mais
Clique para comentar
0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks

Black do Morro

Black Friday 2020: veja os produtos mais cobiçados

Smartphones e produtos eletrônicos estão no topo da lista da preferência do público para a Black Friday 2020, que ocorre em 27 de novembro.

Publicado

dia

Por

Black Friday 2020 está chegando. A segunda melhor data do comércio varejista, atrás apenas do Natal, será em 27 de novembro. Nesse sentido, muitos consumidores já estão ansiosos para o anúncio das ofertas. Portanto, será a primeira Black Friday no pós-pandemia. Aliás, ela irá estrear novos hábitos dos consumidores. Mas o padrão de buscas por produtos eletrônicos deve se manter. 

Primeiramente, é bom lembrar que o brasileiro comprou mais pela internet desde o começo da quarentena imposta pelo novo coronavírus. Dessa forma, a imagem de lojas cheias e ruas congestionadas não deve se repetir na edição deste ano. Isso porque o Ebit apontou que o e-commerce ganhou 7,3 milhões de novos consumidores entre janeiro e julho deste ano. Isso representa um crescimento de 38% em comparação ao mesmo período de 2019. 
Portanto, essa legião de e-shoopers (consumidores virtuais) já está se preparando para as liquidações de novembro que lojas virtuais e marketplaces ainda vão lançar. Nesse sentido, se a edição passada faturou R$ 3,2 bilhões, a Black Friday 2020 deve superar essa cifra. 

Consumidores vão se guiar pelos preços mais baixos para escolher os canais 

O preço é que vai definir o canal de compra. Sendo assim, um estudo realizado pela TracyLocke Brasil, em parceria com a Behup, revelou que 59% das pessoas admitiram que a decisão entre lojas físicas e virtuais vai depender dos descontos oferecidos em cada uma. ,

Enfim, a mesma pesquisa demonstrou que 43% dos brasileiros já estão se preparando para a Black Friday desde o início do ano. Portanto, o velho hábito de deixar as coisas para a última hora parece não surtir mais tanto efeito. 
Justamente com as compras on-line é possível monitorar os preços de produtos e fretes com bastante antecedência. Como consequência, é possível saber se as ofertas da Black Friday 2020 são realmente compensadoras. 
Entretanto, além da vantagem da pesquisa antecipada, a compra on-line possui outros benefícios apontados na pesquisa da TracyLocke Brasil e Behup, como: 

  • comodidade (64%); 
  • preço e praticidade (60%); 
  • evita aglomerações (58%).

CONTINUA APÓS PUBLICIDADE



Enquanto isso, a principal vantagem das lojas físicas é poder ver o item antes de comprar. Além disso, dá para esclarecer as dúvidas com o vendedor e até, quem sabe, pechinchar mais. 

Procurando bem, há descontos de até 70%

Arte: Tevarak Phanduang

Aliás, a Black Friday 2020 é uma data voltada especificamente para pedir descontos. Isso porque, procurando bem, eles podem chegar a 70% de redução sobre o preço do produto. 
O movimento surgiu nos Estados Unidos para os consumidores anteciparem as compras de Natal, e os comerciantes limparem o estoque para a chegada das novas coleções. 
Só por curiosidade, o termo Black Friday, que significa Sexta-feira Negra, surgiu na Filadélfia, no estado da Pensilvânia, para demonstrar a confusão nas ruas e nas lojas causada por clientes durante a corrida pelas ofertas. 
Afinal de contas, comprar o produto desejado por um preço mais baixo é o que move milhares de consumidores todos os anos. 

Produtos eletrônicos devem ser os mais procurados na Black Friday 2020

Segundo apontamento do Méliuz, as mercadorias mais vendidas nas temporadas passadas da Black Friday têm sido: TVs e Smart TVs, notebooks, tablets, roupas e calçados, smartphones, PS4 e PS5, além de Xbox One. Apesar de o desconto oferecido na linha de eletrônicos ser menor que em outros produtos, como roupas e móveis, os clientes ainda aproveitam a data para economizar. 

E, como não poderia deixar de ser, a Black Friday 2020 também tem a lista dos desejos. Veja a seguir os produtos mais cobiçados, segundo duas empresas diferentes: o Méliuz, maior plataforma de cashback do país, e o Google, que domina a área de buscas orgânicas na internet. 

10 produtos mais buscados pelos consumidores, segundo o Méliuz: 

  • Celulares e smartphones;
  • iPhone;
  • notebook;
  • roupas e calçados;
  • TVs e Smart TVs;
  • PS4;
  • Xbox One;
  • passagens aéreas;
  • geladeira e eletrodomésticos;
  • viagens. 

5 itens mais buscados no Google Shopping (entre 14/09 e 14/10): 

  • Moto G9 Play
  • Xbox Series x
  • Ar condicionado portátil
  • Climatizador
  • Iphone 12

Certamente, os produtos mais cobiçados mudam conforme a faixa etária e outras variáveis, de consumidor para consumidor. Mas o fato é que, depois da pandemia, as pessoas passaram mais tempo em casa. Como consequência, devem procurar mais itens domésticos, de uso pessoal e voltados aos eletrônicos na Black Friday 2020. 

10 categorias que devem ser mais buscadas na Black Friday 2020 

Nesse sentido, confira resultado da pesquisa da TracyLocke Brasil e Behup sobre os 10 segmentos mais procurados para a edição deste ano:

  • roupas, sapatos e acessórios (44%); 
  • eletrodomésticos (41%);
  • informática e eletrônicos (40%); 
  • smartphones e telefones celulares (39%);
  • utilidades domésticas e itens para casa (35%);
  • presente de Natal (26%); 
  • móveis (24%); 
  • perfumes e cosméticos (24%);
  • itens de decoração (18%); 
  • viagem (18%). 

O percentual não fecha em 100% porque os entrevistados declararam mais de um produto nas intenções de compra durante a pesquisa. Veja infográfico sobre as categorias:

Mas é praticamente certo que a maioria dessas compras passa por buscas no Google. Isso porque quando o consumidor deseja comprar um smartphone ou um televisor ele logo digita o item nos mecanismos de busca da internet para ter uma noção de preço. 

Lista gratuita

O Google Shopping exibe os principais resultados, inclusive com links para os sites de compras. Por isso, a novidade deste ano é a divulgação de listagens gratuitas no Google Shopping. 
Por consequência, lojas virtuais conseguem se conectar com compradores. Enquanto isso, os consumidores podem ter maior variedade nos produtos exibidos. Até então, os e-commerces pagavam para anunciar na plataforma. 
Aliás, as buscas do Google já são um termômetro para as previsões da edição da Black Friday 2020. Para se ter uma ideia, entre 26 de agosto e 22 de setembro, 19 categorias já superaram o volume de buscas feito na Black Friday de 2019. 
Entre as principais tendências reveladas no período citado nas buscas estão: 

  • móveis e decoração: com 22% e 51% mais buscas que na temporada anterior; 
  • alimentos e bebidas: 40% e 23% respectivamente; 

Além disso, TV e vídeo, telefonia e eletrodomésticos também estão num patamar de buscas muito superior ao registrado nas pesquisas da Black Friday. 

Em suma, a Black Friday 2020 deve manter a tendência de alta no faturamento, apesar de termos vivido a pandemia do novo coronavírus. A previsão se sustenta no crescimento do comércio on-line e no reaquecimento gradual da economia. 

Veja Mais

ARQUIVO WM

0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x